Adjudicada empreitada para requalificação do MASMO

A Câmara Municipal de Sintra aprovou a adjudicação da empreitada de recuperação dos Blocos A, B e E do MASMO – Museu Arqueológico de São Miguel de Odrinhas, no valor de 286 mil e 500 euros.

Esta empreitada corresponde à primeira fase dos trabalhos de intervenção no museu nos Blocos A (alpendre, átrio do museu, pátio, exposições temporárias e “Cripta Etruca”), B (Basílica Romana) e E (café, auditório e instalações sanitárias) e tem prazo de execução de 8 meses.

As obras recuperação e requalificação serão faseadas em todo o complexo museológico. Nesta primeira fase, a área de intervenção corresponde a 1.600 m², numa área total de 3.310 m².

Nos últimos anos, o MASMO tem sofrido um agravamento do estado de conservação das coberturas, rebocos e vãos, contribuindo para a desvalorização do património municipal, o comprometimento da durabilidade dos materiais construtivos dos diversos edifícios, a segurança dos visitantes e funcionários, a salubridade dos espaços e as condições de conservação das peças museológicas.

Museu Arqueológico de São Miguel de Odrinhas, Villa e Necrópole, é abrangido pelo ZEP – Zona Especial de Proteção do Imóvel de Interesse Público, pelo espólio e atividades que promove, constituindo-se como um dos pontos de interesses dos roteiros e dos circuitos culturais, pedagógicos e turísticos do concelho de Sintra.